LISTA DE PARTICIPANTES

Akasha De Lioncourt
Ana Teresinha Drumond Machado
Bárbara Perez
Carlos Reinaldo de Souza
Celeste Farias
Daniel Brasil
Deomídio Neves de Macêdo Neto
Diná Fernandes
Edécio Mergener
Eliene Dantas de Miranda Taveira
Élio Cândido de Oliveira
Eloísa Antunes Maciel
Elzio Luz Leal
Estela Frutos Braud
EstherRogessi
Fátima Peixoto
Fernando Alberto Salinas Couto
Humberto Rodrigues Neto
Isabell Sanches
João José Oliveira Gonçalves (JJota Poet@)
José Antonio Gama de Souza - Balzac
José Otoniel da Costa (J Otoniel Poeta)
Joyce Lima Krischke
J. R. Cônsoli
Judite Krischke Sebastiany
Leonardo André Oliveira
Malú Ferreira
Marcelo de Oliveira Souza
Marco A. Amado
Maria Beatriz Silva (Flor de Esperança)
Maria Fernanda Reis Esteves
Maria Helena Sarti
Marina Martinez
Nádia Cerqueira
Odilon Machado de Lourenço
Paola Rhoden
Paulo André Moraes (PAMPOETA)
Paulo Rodrigues
Pinho Sannasc
Rosana Carneiro
Roseleide Santana de Farias
Sérgio Martins Pandolfo
Sidney Santos (Poeta dos Sonhos)
Sílvia Araújo Motta
Sílvia Silva Benedetti
Sônia Maria de Araújo Rêgo
Tânia Maria de Souza
Valéria Lisita
Vera Lúcia Passos Souza
Weber Müller





PARTICIPAÇÕES

-01-
Cores das flores
Sidney Santos
(Poeta dos Sonhos)

No início deste enredo
Exaltando a pureza
Rosas brancas segredo
Paz por natureza

Para teu sorriso franco
Luz que sempre irradia
Lírios também em branco
Pra começar bem o dia

Da cor do vinho de França
Aumentando alegria
No champanhe a lembrança
De amor e simpatia

Dádiva e certeza
Com todo carinho e paixão
Rosas vermelhas, a beleza
Que nasce no coração



-02-
Tudo
Sidney Santos
(Poeta dos Sonhos)

Busquei um arco de cores
Soprei em bolas de sabão
Juntei um punhado de flores
Pra abrir teu coração

Ainda não satisfeito
Fui atrás de proteção
Jade para o teu peito
Verde pedra da emoção

Se ainda não te animas
Na colina vou buscar
Um punhado de turmalinas
Pra jovem você ficar

Pensando em tua beleza
Azul celeste da turquesa
Se as cores deixares ao léu
Aí Menina, te dou o céu



-03-
Rosa branca
Maria Beatriz Silva
(Flor de Esperança)

Suave, linda, branca rosa
Transparente, luminosa
De mágica beleza
Encanto e pureza

Na sua humildade
Tem a cor da paz
O perfume do amor
Ao senti-la nos traz felicidade

Tem toda magia
Respeito bonança que nos contagia
No silêncio desabrocha
Com gratidão vai dando luz a nova vida

Suas folhas são esperanças
Que te guarda com liderança
Do caule a força, a virtude
Recompensa e atitude

Que seja assim o seu caminhar
Tão belo quanto às rosas a desabrochar



-04-
Flores Urbanas
Marcelo de Oliveira Souza

Numa terra ocupada
O ser humano é o maior culpado
A flor não respira...
Ela piora com a poluição,
Folhas sujas de fumaça
Uma cinza que sufoca.
As flores urbanas sofrem.
As pessoas sofrem...
A natureza reluta...
O povo luta.
Mais prédios aparecem,
No amanhecer ninguém conhece.
Ninguém merece...
A floresta empedrou
A pedra dominou,
As flores raras se escondem
As flores de plástico aparecem
E no mundo artificial
A ruína é total
Pobre desse animal
Num desenvolvimento total
Vai sucumbindo, definhando
Até voltar para a natureza.



-05-
Maria das Flores
Humberto Rodrigues Neto

A orquídea que um dia foi na mocidade
em tempos de fastígio e de ventura,
Maria ainda conserva com amargura
no cofre imorredouro da saudade.

Do lírio, então em plena formosura,
guarda apenas na mente a suavidade;
hoje tímida violeta fê-la a idade,
ou um miosótis sem viço e sem candura.

Maria agora traz o olhar vermelho
das lágrimas choradas frente ao espelho,
ante um rosto que franze e se esfacela!

Pranto de perda da falaz vaidade,
tributo amargo da fatalidade
de um dia ter sido tão formosa e bela!



-06-
Flor do Grão-Pará
Sérgio Martins Pandolfo

Extasias tu, vitória–régia,
planta que a todos embevece,
pela beleza harmoniosa, que enternece,
obra da Divina Providência.

Árvore aquática de braços estendidos,
folhas imensas, circulares, a flutuar no rio,
pratos verdes da natura oferecidos,
campos de folguedo da passarada em cio.

Rainha das águas do rio-mar,
Amazônia, Pantanal, são teus domínios.
Reinas majestosa sobre estirpes tantas
- nos lagos de Iara, mãe-d’água – de sutis fascínios.

Régia flor de colorido vário,
de olor agreste e efêmero durar,
em hirto bastão que se alteia solitário,
tens todos os encantos, flor do Grão-Pará.



-07-
Primaveris
Daniel Brasil

Quando chega setembro
Terminam as tardes gris
Com aromas de flores
Ficamos mais gentis

É tempo de primavera
Com suas multicores
A terra entra nos cios
Eis o ciclo dos amores

Quando nascem FLORES
A vida tem mais sentido
Contemplo esta grandeza
Com seu lindo colorido

"E por falar em flores"
Todos tem sua preferida
Regando a flor da PAZ
Enfeito o JARDIM da vida



-08-
Tais Como flores
Paola Rhoden

Os seres humanos
Precisam de magia
Para que no dia a dia
Comparem com seus planos.
Mudar de verde para azul
Sentir o vento do Sul
Cobrir o sol com som de anil
Num alvoroço febril
Ver descer do céu
Como fada envolta em véu
Uma nave de esplendor
Sem cor
Só brilho
Como uma flor
Pétalas macias
Que mesmo frias
Transmitem ao coração
O calor
Todos os dias



-09-
De um Jardineiro Aprendiz...
(Pensando em minha Querida "Kika"!)
J.J. Oliveira Gonçalves

Flores, flores
flores belas
vermelhas, brancas, lilases
roxas, rosas, amarelas...

Flores, flores
flores 1000
a acenar desta janela
a sorrir neste jardim...
flores de primavera
flores de-todo-ano
por entre flores de abril...

Flores, flores
quantas flores
requintadas e singelas
tantas flores lembram dela
suas pétalas macias
são seus lábios de carmim...

Ah, flores minhas
quem me dera
neste caminhar sem fim
ao jardim da boa avó
lá voltar e lá brincar
ser de novo... curumim!

Ver antigas borboletas
sob o anil do céu sem fim
Ver gerânios coloridos
rosas de esplendor - enfim
Tantas flores, tantas cores
e entre meus velhos Amores
o cheirinho do jasmim...
E entre meus velhos Amigos
ledo e arteiro Querubim...

Flores, flores: quantas Dores
vocês conhecem de mim!?

Sejam versos beija-flores
nas rimas que canto assim...

No Jardim Aleatório
de minha "Kika - a Branquinha"
vejo que o tempo é ilusório
mas não a Dor que eu não tinha:
plantada pela Saudade
que em meus olhos se adivinha!

Porto Alegre, 25 de outubro/2012. 07h28min - HS
jjotapoesia@gmail.com - www.cappaz.com.br



-10-
Flores
Odilon Machado de Lourenço

Uma menina falou ao poeta que gosta de flores
E o poeta lhe diz coisas das flores...
Uma flor nasce da terra
É vermelha, tem nome de rosa
Não possui muito perfume, mas sobra beleza
Outra flor nasce no mangue
Ninguém sabe a cor, perfume, nada
Ninguém consegue caminhar no mangue e ir até a flor
Mas ela está lá rara e só
Uma flor nasce no mar
Gosta de sal e boia nas águas
Mas só mostra as cores quando bebe água doce
Outra flor nasce no escuro
Na muito alta noite a flor traz o cheiro do fundo do escuro
Ninguém a vê é das escurezas que vêm o seu cheiro
Quem percorre a noite sabe que ela existe sumida no escuro
Há também a flor do ar
Flor do ar poeta?
Sim, a flor do ar vem no pólen ventado
Uns tossem, outros espirram, outros nem ligam
Mas a flor está no vento que gosta de flores longínquas
E tem a flor fogo
Ela nasce na dança das chamas das mais belas fogueiras
Tem pétalas de todas as cores, é mágica essa flor
Viu menina, flores nascem em todo lugar que plante flores.




-11-
Alma de Flores
J Otoniel Poeta

O perfume das flores encanta a alma
A sua fragrância nos traz a calma
Enriquece o coração produz alegria
Dá ao amor forte e agrável energia
É também um ingrediente estimulante
Das flores seus aromas são irradiantes
Há quem creia até trazer sorte aos amantes

Nos momentos de relações amorosas
Entre tantas estão presentes as lindas rosas
Suas folhas o vento leva-as na estação do outono
Mais aromatizadas ficam durante a primavera
Com referência a todas em todo o ano
Ser eu delas algumas pétalas quisera

Aos ambientes em geral embelezam
Nos altares são expressão de fé e oração
São infinitos os fiéis que emocionados rezam
De ternura os namorados sentem palpitar o coração
Com mais singeleza apaixonados se amam
São as flores, portanto, o símbolo de forte paixão!



-12-
Canto da Primavera
Leonardo André

Primavera, estação das flores
há um perfume de rosas no ar
pelos campos pastos verdejantes
e o sol no alto a brilhar...
Borboletas, passarinhos,
as abelhas fabricando mel,
cachoeiras, mares, rios
e as nuvens enfeitando o céu.

Primavera, estação das flores
há um perfume de rosas no ar
pelos campos pastos verdejantes
e o sol no alto a brilhar...
Folhas, frutos, arvoredos,
vem a brisa e afasta o calor;
como é linda a Natureza,
Primavera a Estação do Amor!




-13-
Fragmentos
Sílvia Benedetti

Plantei um jardim tão lindo
repleto de lindas flores,
Matizado com mil cores,
Perfumadas como o que.

Ele enfeitou os meus dias,
Meses, anos, tempo imenso,
Refletiu o tempo intenso
Que o mau vento levou...

Suas flores feneceram,
Esmaeceram-se as cores
Que sentiram minhas dores,
E tantas desilusões.

Hoje só restam lembranças
Fragmentos dos meus sonhos,
E nos versos que componho
Os pedacinhos de mim.



-14-
Sem Guarida
Sílvia Benedetti

Tranquila eu te espero oh solidão!
Podes vir, que de ti não tenho medo.
É certa a tua visita ao coração,
Como é certo o reflorir do arvoredo.

Verei jardins, escreverei meus versos,
Lembranças vão morar no meu carinho!
Terei o que tecer, sonhos diversos,
Com flores perfumando meu caminho.

Terei o que fazer, e não penar,
E quando solidão te anunciares,
Eu sei que não virás para ficar,

Pois não te adotarei na minha vida!
Que vás buscar viver noutros lugares...
Aqui, vou te dizer: Não tens guarida.



-15-
Acróstico
Sílvia Benedetti
F estival de cores,
L indas, leves delicadas,
O lorosas, todas são.
R osas, cravos, goivos dálias,
E nfeitando nossas vidas
S ão cartões postais de Deus!



-16-
Vamos falar de flores...
Eloísa Antunes Maciel

Vamos falar de flores, tão somente...
De flores que vicejam na amplidão...
Das flores hibernais – tão diferentes
Das flores encontradas no verão...

Vamos falar de flores pequeninas,
De flores que despontam no jardim...
Desde açucenas, rosas e boninas,
De perfumosas flores – do jasmim...

Vamos falar de flores multicores,
De cravos, de azaleias, de camélias...
Vamos falar de diferentes flores,
De flores vigorosas – as bromélias...

Vamos falar de flores coloridas
Que vestem a bem – vinda primavera...
Pois essas flores representam vidas
Num tempo de promessas e de esperas...

Vamos falar das flores do arvoredo,
Pois essas flores são, seguramente,
Imagens da verdade e do segredo
Dos frutos que virão futuramente...

Vamos falar de flores, sim, senhores!
Pois flores são motivos de alegria:
Perfumam nossas vidas seus odores,
Sua presença inspira a Poesia!

S.Martinho da Serra/RS, 26/10/2012




-17-
Flores
Isabell Sanches

Maravilhosas, suaves, seja qual sua espécie tem tamanha formosura que de paz nos abastece, emite toda alegria e com toda sua singeleza contagia aos quais as admiram profundamente e se permitem cultivá-las não só com as mãos, mas, sim também de coração.

As flores ao se desabrochar despertam em nós todo encantamento nos convidando sempre a contemplar a natureza tão magnífica e perfeita doada para nós pelas mãos divinas do nosso criador “Deus’.

-18-
As rosas falam
Sônia Rêgo

Quem disse que as rosas não falam?
Saiba que elas falam sim...
Usando só a linguagem da flor,
Muitas coisas dizem para mim.

Olhe as amarelas que de tão singelas,
nos falam do amor calmo, sem dor.

Observe as brancas, parecem falar Paz.
Recebem quem chega, saudam quem jaz.
Elas enfeitam a vida e trazem a Paz,
como são lindas, quanta alegria nos traz.

Notem bem as vermelhas...
Que são, somente, pura paixão,
enfeitam a vida e a morte,
acendem muitas centelhas,
alegram até mesmo a solidão.

Rosas são flores que falam de nós.
Que são cantadas, faladas matizadas,
no rio da vida, desde a foz...
Que quanto mais coloridas,
mais alegram a nossa vida.

SP – 26/10/12

-19-
De Flores, Paz e Árvores
By Marina Martinez

Paz, flores e árvores? Difíceis de preservar.
Necessitam de sementes para nascer e crescer.
Precisam do Homem para viver. Abençoadas.
E apenas sobrevivem se esses Homens quiserem.
O ideal? Plantar árvores que ofereçam flores de Paz;
defender a Paz para que Árvores possam sobreviver.
Infelizmente, alguns desses Homens não querem.
Para eles, quietude, aroma, alimento, tanto faz.
Pessoas viverão sem sombra nem sossego, excomungadas,
sem o perfume de árvores e flores que não brotaram.
Qualquer dessas obras, na mão do Homem, se desfaz.
Morre a Paz, hoje palavra sem prestígio, com certeza.
Não sobrevivem árvores, folhas, frutos, flores.Nem nós.
Causa mortis? Trucidamento impiedoso da Natureza.
Coroas de luto restarão nuas: tristes funerais.
Homens talvez se arrependam, quem sabe tarde demais.
Folhas e flores, no chão, esmagadas, lembrarão seu algoz.

-20-
Falar de flores
Vera Passos

O Criador borda com ternura nossos jardins
Delicadeza nas cores, folhas recortadas, aromas intensos...
Diferenciados tamanhos, meticulosos formatos...
Primorosas Mãos, símbolo da perfeição, ânimo de luz...
Forja seres deslumbrantes, pura beleza
Magnitude suprema construindo raras peças
Ninguém imita tamanha delicadeza.
Detenho-me nas flores da praça, antes liberta
Margaridas, rosas, lírios, gérberas, flor-de-cera...
No meio delas, flores amarelas, brancas, lilás...
Entrelaçada a elas, fecha-porta-maria, perdida, solitária
Rústica, delicada, sensível, espera crianças...
Como pode nascer no solo árido tão bravas flores!
O deserto floresce. Elas são como líderes surgem no breu
Lírios brotam ilesos do pântano fétido
Livres da podridão que os oprime
Brotam com alvura dos puros, ofertam aroma sublime

-21-
Flores à CAPPAZ, flores à Joyce
Vera Passos

Na vida sementes eclodem
Por solos férteis da jornada
Sob a luz do Sol, dádiva da vida
Trazem surpresas, presentes, carinhos...
Flores, pétalas, perfumes na aguada...
Frutos, doçuras, sabores.
Árvores, sombras, amores
Contornam vias, ornam caminhos...
Lírios brotam na lama fétida das estradas
Espalham aromas puros da alvura,
Sândalos perfumam as chagas,
Flores colorem os desertos.
Homens enfrentam a invernada
Somos pétalas de bravura
Nossa corrente é de paz
Cujos elos de ternura
Unem-se no jardim da CAPPAZ.

-22-
Pra não dizer que não falei das flores...
Tânia Maria de Souza

Flores multicores...
Nas dores, muitas flores
Flores para os amores!

Uma rosa na lapela
Um cravo com canela
Begônias na janela...

Meu jasmim - feliz de mim! -
perfuma todo o jardim
Ano após ano é assim.

Margaridas, tão queridas!
Branquinhas, cheias de vida
às borboletas dão guarida...

Bons augúrios
com meus antúrios!
Muita paz
co`a violeta lilás!

-23-
Simplicidade
Ana Teresinha Drumond Machado

Quisera ser a Sweet Violet,
discreta, bonita,
de nobre simplicidade.
Pequena grandeza
de alma de poeta,
suave ... tácita ...
Abrigada entre
verdes folhas, viçosas
violetas teu frescor
que entorna
no pálido chão
flores de singular afeição.

Tu és a dispersora
de ameno perfume,
de cauteloso pudor .
Com tranquila modéstia,
orgulhas ao divino por a vida viver
com a leveza doce e sutil.
Te postas, singela,
com timidez e desvelo
como adorno e encanto de puro amor.

És grande aos olhos de Zeus,
a dos simples plebeus.
Óh! Eclipsada violeta,
quisera ser eu
a herdeira de
tua divinal simplicidade.

Alvinópolis/MG

-24-
Falam-me as flores
Valéria Lisita

Sabem as flores de suas belezas
E quão agradáveis os perfumes
Borboletas exibem cores e leveza
Em árvores...doces frutos nos cumes

Águas dos rios, berços de peixes
E no cerrado reina o pequizal
Ipê florido...admirar não deixes
Essência simples...nada é banal

Assim no peito trago o perfume
Aos versos teus...sintonizado
Sei que pra mim, vive a compor
Dou-te meus versos...meu bem amado

Disseram-me as flores de suas belezas
Digo a elas, de nossas juras e certezas

-25-
Flores na sacada
PAMPOETA

Na sacada as lindas flores...
Das líricas e belas cores...
Amor regado e derramado...
O meu coração... ao teu legado...

Composições em ramalhetes...
Ao pássaro Beija-Flor... o lembrete:
- Volte sempre pra beijar as flores !!!
Pétalas carentes... precisam de amores...

Na sacada as lindas flores...

-26-
Rosas
Dinapoetisadapaz

Rosa branca,
soberana como Maria
que perfeita harmonia!

Rosa vermelha...
Tem o cheiro da paixão,
ao amor causa satisfação.

Rosa amarela,
Cor que simboliza o sol, amizade...
Linda como a claridade.

Rosa azul,
Parece o céu em botão
colorindo o nosso chão

Rosa cor de rosa,
Tem toda semelhança
com a face da criança.

-27-
São rosas, Senhor! São rosas...
Maria Fernanda Reis Esteves

A Santa rainha
de nome: Isabel
distribuia pão
pl´o povo d´el rei

D. Dinis, seu esposo
perguntou-lhe um dia,
o que em seu regaço
ela tanto escondia...

"São rosas, Senhor!"
E o milagre deu-se...
O pão que trazia
e ao povo oferecia,
num gesto de amor,
transformou-se em flores
de todas as cores,
as rosas mais belas,
lindas e singelas.

Nasce, assim, a lenda
da nobre Senhora,
que é rainha e santa
de nome: Isabel

Confreira Cappaz
Por Portugal

-28-
Vamos falar de flores?
Roseleide Santana de Farias

Para poder esquecer as nossas dores,
Nos extasiemos nestes doces perfumes
Que estimulam, acalmam, deliciam os sentidos,
Apazíguam os ânimos, trazem paz, esperança,
Se envolvidos na beleza, no encanto das flores.

Vamos falar de flores?
A minha e a tua alma solitárias a vagarem,
Procuram e aqui encontrarão belos primores,
A mente a percorrer as nossas lembranças,
Ao buscarmos as saudades, alegrias, dores.

Vamos falar de flores?
Sintamos no peito a ternura em profusão,
Doçura e o calor imenso desta nossa paixão,
A beleza de nos sentirmos amantes e irmãos,
Falando a mesma linguagem: amor, comunhão.

Vamos falar de flores?
Deixemos as nossas almas, os corações buscarem
A realização, entrega, o poder dos sonhos. Vibrar
No amarelo, azul, vermelho, púrpura e multicores,
Caminhemos felizes, as almas cheias de amores!...

28/10/2012

-29-
Flores
Maria Helena Sarti

O tema é tão simples que ficamos constrangidos em falar sobre...
Até a alma poeta é pouca para encontrar palavras lineares.
As flores são um universo em si.
Nuances de cores, desenhos refletidos,
pétalas em conjunta oração.
União contemplativa em mistérios.
Mão de Deus que quando cria
exala perfume.

-30-
Rosas e poesias
Fernando Alberto Salinas Couto

As rosas são lindas flores
que, independente das cores,
marcam momentos de dores,
de alegrias e grandes amores.
Se representam sofrimentos,
pela lembrança de momentos
que marcaram nosso coração
e não voltarão, nenhum dia...
também representam alegria
e inspiração para lindas poesias.

SP – 31/03/12

-31-
Flores teimosas
Estela Frutos Braud

A elas que desabrocham,
Teimosas e resistentes
Em árduos terrenos baldios,
Frestas, rachaduras,
Poeirentas beiras de estradas,
Tão lindas em sua singeleza
Que dariam romântico buquê...
Mas estão por aí espalhadas,
Viçosas enfeitando o mundo,
Que presto-lhes meu tributo,
Coloridas flores agrestes,
Livres, guerreiras vitoriosas.

-32-
Repouso das Borboletas
Nádia Cerqueira

Vão-se as flores sopradas pelo vento
semeando invisivelmente a terra
germinando e florescendo
todas as primaveras

E também são as flores
que, do seu néctar se alimentam
os colibris e beija-flores
o repouso das borboletas
bailando com suas cores

Recebem-se flores dos amantes
estes, que em qualquer estação
suspiram ofegantes

Despetalam-se as flores
exalando perfume primaveril
Sejam as rosas, cravos, margaridas
as hortênsias, de beleza sutil.

-33-
Modo de olhar
Élio Cândido de Oliveira

Neste teu modo de olhar,
De cores as vezes variada.
Até as flores de ti enciumada
Busca a ti visualizar.

Tem da mente a comunicação
A poesia soando como canção
O tempo voraz momento desfeito
A paixão silencia o peito.

Formas de se imaginar e versejar
Almas entretidas a se procurar
Aquilo que de nós é retirado.
Onde tudo se torna sem sentido.

Ventos que se movem a todas as direções.
Confluentes e trazendo perfume
Das flores, envolvente e a nós consome.
Partindo do nada a lagrimas de emoções

-34-
Rosa Flor
Eliene Dantas de Miranda Taveira

Que veio de longe correndo dos espinhos
Faça pulsar com fervor seu coração
Procurando intensamente por carinhos
Expulsando para longe a desilusão.

Que, de gota em gota, seus olhos marejaram
Pensava que tinha tudo mais nada possuía
Pisaram-na machucando o seu profundo ser
Entendendo, decidiu não mais o amor querer

Depois...Depois de tanto sofrimento e dor
Chegará um solitário e deslumbrante cravo
Que a leve aos céus com carinho e amor

Que não seja somente rosa carmim
Deseje ser uma flor plantada no jardim
Cuidada por jardineiro de amor sem fim

-35-
Falar de flor...
Marco Amado

Falar de flor
É falar do ardor
Dissertar sobre a cor
Pregar o amor
É sentir o doce aroma
Que dela emana
Apreciar as nuances
Que alegram nosso olhar
Ao despertar
Falar de flor
É excitação
Explicita paixão
Que avassala o coração.

30/10/2012

-36-
Bromélias
Malú Ferreira

Observo o horizonte
Com suas montanhas infestadas de bromélias.
Águas deslizam trilhas complexas.
Contorneando corpos multicores
O silencio predomina o pico mais alto
E cercam os quatro cantos
Do centro onde me encontro.
Êxtase.
Sobre esta terra fecunda.
Sol e chuva! Cruzam-se entre si
Até a lua passeia, em plena luz do dia.
Rodopio, Sorrio,
Ergo os braços e respiro.
Choro lágrimas ocultas
A felicidade domina-me.
O desejo adentra por entre as veias da minha vida.
Adormecer, Despertar
Ser,
Sua bromélia de cada dia.
Cravada sobre seio do teu viver.

19/05/11 _04h34minhoras AM.

-37-

-38-
Observadora
Malú Ferreira

Do verde, Das flores, Do mar.
Solitárias, Esbeltas, Flutuantes, Adocicadas.
Num jardim qualquer
De uma estrada sem fim...
Caminha ela, de encontro...
__Apaixonada,
Apaixonantes, Dominam
O tempo seco cicatriza
Corpos feridos.
As tristezas dissipam-se
Junto à correnteza dos ventos
As alegrias para sempre permanecem
“Cravadas”
Nas pétalas e na mente.

Emirados Árabes __ 2010

-39-
A flor com espinhos
Fátima Peixoto

Não demonstra sua suavidade,
Esconde sua delicadeza,
Seu romantismo se vai...
Entre as nuvens azuis e brancas,
Seu galho com espinhos nos intimida,
Esconde uma beleza peculiar,
Seu cheiro não podemos sentir,
Vontade de tocar nas pétalas
Medo do espinho furar,,
Fico a sonhar com teu cheiro,
Te observo, quero colher,
Plantar no jardim da alma,
Tirar os espinhos com carinho
Para enfeitar meu viver.

-40-
Mãos floridas
Deomídio Macêdo

Flores, primavera, que embeleza nosso jardim num toque especial.
Floresce Violeta, flor de Zeus, mimosa, colorida;
Apareça Petúnia flor solitária ao longo do caule, tubular, vistosa;
Bromélias, flor linda, linda flor!
Que arrancada da natureza, torna-se flor proibida;
Lírios encantadores exalam seus perfumes que embriagam os homens dentro da história secular;
Mãos que semeiam flores nas rimas e nos versos dos poetas apaixonados;
O Maestro com seus gestos rítmicos, define com a música, cada pétala no pentagrama de energias salutares e dinâmicas, nos momentos mais amáveis e sensíveis aos valores da vida;
E o artista com o seu pincel mágico, retrata no quadro, seu coração de belezas mil, projetando arco íris que irriga ao bel prazer do vento, o jardim da esperança.

-41-
Soneto da rosa
Elzio Luz Leal

Um dia, queixei-me à rosa
Que seu perfume já não era
O antigo perfume dela.
Que já não estava tão bela...

Disse ela, toda chorosa
Que não era a mesma rosa
Que já fora antigamente...
Essa é a sina da gente!

O tempo castiga, machuca,
A pele toda se enruga,
Parece até feitiço...

Uma rosa, antes tão bela,
Aconselha, tenha cautela
Que a bela perde seu viço!

-42-
As flores no cais
Akasha De Lioncourt

Flores lindas, coloridas,
Com um perfume especial.
Trazem consigo os aromas,
De uma estação sem igual.
Com elas chegam os pássaros,
E seu canto angelical.
Nos despertam de manhã,
Com seu gorjeio matinal.
A Natureza se alegra,
E nos mostra todos os tons.
Existem cores tão belas,
Impossível fazer igual.
Os pequenos seres alados,
Fazem sua parte do acordo.
Voando de flor em flor,
Polinizando corpo a corpo.
E o homem, esse ser irracional,
Ignora esse milagre Divinal.
Na ânsia de igualar-se a Deus,
Perde sua essência e se esvai.
E o perfume, antes tão denso,
Espalha-se por entre seus iguais.
Se afoga num mar de lamentos,
Com flores espalhadas pelo cais.

Outubro/2012

-43-
Vamos falar de flores ...
Judite Krischke Sebastiany

Gosto muito de flores.
O ambiente fica mais alegre.
Muito gostoso, acolhedor.

Mas gosto mesmo é de sentir
Aquele cheirinho de mel
Inesperado, que surge na rua.

Os aromas e cores trazem vida.
Renovam a saúde e a alegria.
Renovam a esperança e o bem estar.

Orquídeas, rosas ou cravos;
Petúnias ou “Maria sem vergonha”;
Flor de pessegueiro ou macieira.

Agradeço a Deus essa oportunidade
De inebriar-me com aromas e cores,
De mergulhar nesse oásis/paraíso.

Mergulhando na harmoniosa natureza
Reabastecida de amor, serenidade e paz,
Sigo andando buscando e convivendo.

-44-
Elogio às Flores
Carlos Reinaldo de Souza

As flores são todas elas
o cio da natureza;
maravilhosas, são belas,
nada as supera em beleza.

Elas são arte divina,
obras de Deus Arquiteto,
possuem luz genuína
e tem aroma seleto.

As cores são tão diversas
que ao arco íris superam
e dentre as folhas imersas,
réstias de luz proliferam.

São como estrelas cadentes,
que nossas almas seduzem,
flores assim atraentes,
pura beleza traduzem!

-45-
FLORES NACIONAIS E INTERNACIONAIS-
CARTA EM VERSOS TROVADORES
-
Homenagem para a Presidência e
Amigos da CAPPAZ
Por Sílvia Araújo Motta,
Confreira da CAPPAZ-BH-MG.
-
AMIGOS E TROVADORES,
FIQUEI MUITO ENTUSIASMADA.
A PESQUISA SOBRE FLORES
TROUXE-ME PAZ PERFUMADA.
-
1-SIMBOLIZANDO NOSSA ALMA
VITÓRIA E IMORTALIDADE,
NO MUNDO INTEIRINHO A *PALMA*
RECORDA A FECUNDIDADE.
-
2-A FLOR QUE O SONHO ME ACENA
SOMENTE EM SONHOS EU VI:
-TEM PUREZA DE *AÇUCENA*
E AROMA DE *BOGARI.*
-
3-TEM *DEDALEIRA* A HARMONIA,
QUE JESUS TANTO PREGAVA,
LEMBRA O DEDAL DE MARIA
QUE OS PANINHOS COSTURAVA.
-
4-COSTUMO SEMPRE AFIRMAR
QUE *ANGÉLICAS* PERFUMADAS
E PURAS FAZEM LEMBRAR
MARIAS “IMACULADAS...”
-
5-*GYPSOPHILA * TEM BELEZA
NOS CANTEIROS DE NOSSA ALMA.
DOS ANJOS HERDOU PUREZA,
COLHIDA TRANSMITE A CALMA.
-
6-PONDO O SOL NO AMOR DOS NOIVOS
COM PÉTALAS COLORIDAS,
ELES, OS LÍRICOS *GOIVOS*
UNEM ALMAS E UNEM VIDAS.
-
7-A DEUSA COM ASAS-*ÍRIS*,
BOAS NOTÍCIAS NA GUERRA,
FOI TRANSFORMADA EM ARCO-ÍRIS,
QUE É PONTE ENTRE O CÉU E A TERRA.
-
8-NA VELHA GRÉCIA FEUDAL,
ALÉM DE MEDICAMENTO,
A *TÍLIA-MEDICINAL-*
ERA A FLOR DO CASAMENTO.
-
9-*VIOLETA* BONAPARTISTA,
QUE TANTA PUREZA TEM,
PARECE ZELOSA ARTISTA,
TECENDO O AROMA DO BEM.
-
10-*MARAVILHAS* SÃO BONINAS,
LINDAS FLORES TEMPORAIS;
NA FORMA, TÃO PEQUENINAS,
NA ESSÊNCIA-GRANDES DEMAIS!
-
11-*CHORÕES*, EM RAMOS PENDENTES
LACRIMEJAM DELIRANTES,
OS “NUNCA MAIS” COMOVENTES
DOS AMIGOS...DOS AMANTES...
-
12-POBRES VÊNUS-MAL AMADAS-
POR *ADÔNIS* QUE SÓ SÃO
AS FLORES MAL CULTIVADAS
NA MERA RECORDAÇÃO.
-
13-A *MIMOSA*, CONCLUÍMOS,
NOS CAUSA MUITA SURPRESA,
POIS, MESMO ASSIM, COM TAIS MIMOS,
É O SÍMBOLO DA CERTEZA.
-
14-*CRISTA-DE-GALO*, EU DIRIA,
SIMBOLIZA VIGILÂNCIA...
JARDIM QUE ESSA FLOR VIGIA,
PARECE UM JARDIM DE INFÂNCIA.
-
15-ESSA FLOR DA LONGA VIDA
*CAPUCHINHAS* TAMBÉM *CHAGAS*
TREPADEIRA, COLORIDA
E PRESENTE EM MUITAS PLAGAS.
-
16-*ROSA BRANCA* É ANGELICAL,
*ROSA AMARELA* É TRAIÇÃO,
*ROSA VERMELHA* É SINAL
DO FOGO DO CORAÇÃO.
-
17-NO JAPÃO A *CEREJEIRA*
DOS SAMURAIS É MASCOTE,
E NUMA VISÃO GUERREIRA,
DE PAI PARA FILHO É DOTE.
-
18-NOS CANTEIROS DA ESPERANÇA
VI *COLEUS* POR TODA A PARTE
E APRENDI, DESDE CRIANÇA,
QUE UMA FLOR É SUMO DA ARTE.
-
19-A *PETÚNIA* É PERSUASÃO
E, ASSIM, POR SER CONVINCENTE
É UMA FLOR QUE DÁ LIÇÃO
DE FIRMEZA A TODA GENTE.
-
20-A ESSÊNCIA DA *TUBEROSA*
DEVE SER BASTANTE USADA,
POIS SENDO ESSÊNCIA CHEIROSA
DEIXA A BOCA PERFUMADA.
-
21-LICOR DE *CRAVO* É GOSTOSO,
SEU VINHO É SENSACIONAL.
MEL DE ROSA É SABOROSO
E TAMBÉM...MEDICINAL.
-
22-SE EU A *PERPÉTUA* CHEIRASSE,
NÃO TERIA MAIS *SAUDADE. *
ROXA...TALVEZ ME OFERTASSE
A ETERNA FELICIDADE.
-
23-NO JOGO DO BEM-ME-QUER,
*MARGARIDA* É VIRGINDADE,
DISPENSANDO O *MAL-ME-QUER*
É INOCENTE DE VERDADE.
-
24-UNS BROTOS DE AZUL-ROXEADO
TEM O *AGAPANTO* EM NOVEMBRO...
É O BUQUÊ MAIS COBIÇADO
QUE SE OFERECE EM DEZEMBRO.
-
25-LÁ NA ROÇA OU NA CIDADE,
QUALQUER MOCINHA FACEIRA
DEMONSTRA A FECUNDIDADE
NAS *FLORES DA LARANJEIRA. *
-
26-A *SAUDADE ROXO-ESCURA*
SÓ TRISTEZA NOS INSPIRA
MAS EM FUNÇÃO DE UMA JURA,
*SAUDADE BRANCA* É MENTIRA.
-
27-SIMBOLIZANDO A AMARGURA
QUE NOS TRAZ ALGUMA AUSÊNCIA,
*ABSINTO*, FLORZINHA PURA,
TEM MUITO AROMA NA ESSÊNCIA.
-
28-SE ÉS *MIOSÓTIS*, LINDO ASSIM
E FALAS DE AMOR SINCERO,
IMPLORO-TE: NASCE EM MIM,
POIS AMAR É O QUE MAIS QUERO.
-
29-POR SER MEDICAMENTOSA
TEM MIL VIRTUDES E ASSIM,
A *SÁLVIA*, ALÉM DE FORMOSA,
É A MÉDICA DO JARDIM.
-
30-MÃE DO ÓPIO, MÃE AINDA,
DESSE MAL QUE AINDA EXISTE,
A *PAPOULA* É MUITO LINDA,
MAS DE UMA LINDEZA TRISTE.
-
31-LÁ NA CHINA, MEUS SENHORES,
O REMÉDIO OFERECIDO
CONTRA ECZEMA E TUMORES
É O *MILEFÓLIO* COZIDO.
-
32-A *CAMÉLIA * SEDUTORA
É A FLOR DO ARREPENDIMENTO
E DO PERDÃO...É A DOUTORA
DIPLOMADA EM SENTIMENTO.
-
33-AH, SE O *CRAVO* AMOR REVELA,
TODO AMOR, QUANDO SE INFLAMA,
PÕE UM CRAVO NA LAPELA
DO CORAÇÃO DE QUEM AMA.
-
34-A *ACÁCIA*, BRANCA OU VERMELHA,
É UM ARBUSTO ORNAMENTAL,
EM CUJO NOME SE ESPELHA
UMA AMIZADE IMORTAL.
-
35-SEU COR-DE -ROSA DISCRETO
MUITA ELEGÂNCIA REVELA;
MAS FALA DE AMOR SECRETO,
SE FOR *ACÁCIA* AMARELA.
-
36-*ORQUÍDEA* TEM, NA VERDADE,
LÁ NA CHINA O SEU RITUAL:
DESPERTA A SENSUALIDADE
E A BELEZA ESPIRITUAL.
-
37-FLORES ENFEITAM A VIDA
PERFUMAM TANTOS PRESENTES;
PÉTALAS EMURCHECIDAS
LEMBRAM AMIGOS AUSENTES.
-
38-QUANDO A VIDA É MAL VIVIDA,
POR SER DIFÍCIL E DURA,
*VALERIANA* RESSEQUIDA
TEM PERFUME, ACALMA E CURA.
-
39-*ARTEMÍSIA*, FLOR ATIVA,
FILHA DE “ARTÊMIS” DILETA,
MAS, CIUMENTA E VINGATIVA,
SUGERE RAIVA SECRETA.
-
40-NO DIZER DOS TROVADORES
*LELIS* ERAM COLHIDAS
NO PASSADO, COMO AS FLORES,
PERFUMAVAM SUAS VIDAS.
-
41-*AMARÍLIS * E *AÇUCENA *
SÃO DE FAMÍLIA REAL
E CHEIRÁ-LAS VALE A PENA:
-SEU PERFUME É SEM IGUAL.

42-BRANCAS LEMBRAM COMPAIXÃO,
MAS, AZUIS, AS * CAMPAINHAS *,
PARECEM CONSOLAÇÃO,
CONSOLANDO AS MÁGOAS MINHAS.

43-SE TENS A PELE SARDENTA,
PASSA-LHE FRESCAS * BONINAS *,
QUE CHEGARÁS AOS SETENTA
MAIS MENINA QUE AS MENINAS.

44-O * TREVO *, ETERNA TRINDADE,
PAI, FILHO E ESPÍRITO SANTO,
NA GRÉCIA, É FERTILIDADE,
NO MUNDO-AUSÊNCIA DE PRANTO.

45-EM FACE A MALES OU DORES,
MINHA DOENÇA NÃO DURA,
POIS PEÇO A BÊNÇÃO DAS FLORES
E A * ROMÃZEIRA * ME CURA.

46-O * TRIGO * QUE É FRUTO E FLOR,
É SONHO E TAMBÉM ALENTO:
ME ENLEVO COM SEU CANDOR,
COM SEU SABOR ME ALIMENTO.

47- * DAMAS-DA-NOITE *, É O REMÉDIO
QUE ME TRAZ FELICIDADE
E ME LIBERTA DO TÉDIO
NA PRAÇA DA LIBERDADE.

48-PELA NINFA CASTIGADO,
POR VAIDADE, COM CERTEZA,
* NARCISO * FOI CONDENADO
A PERDER TODA A BELEZA.

49- * MADRESSILVA * É TREPADEIRA
DE FLORES BEM PERFUMADAS!
NO VERÃO, QUANDO ALTANEIRA,
TEM CORES MAIS VARIADAS.

50-AS * TROMBETAS * ANUNCIARAM
QUE, EM BELÉM, O REI NASCEU,
A ESTREBARIA ENFEITARAM
E * SALPIGLOSSIS * CRESCEU..

51-É GLÓRIA, IMORTALIDADE,
O * AMARANTO * ENTRISTECIDO;
AOS HERÓIS DA HUMANIDADE
NO SEPULCRO É OFERECIDO.

52-IMPONENTE COMO O SOL,
A GLÓRIA, A FÉ E DIGNIDADE,
PAIXÃO LOUCA É * GIRASSOL *
PLENO DE FELICIDADE.

53- * BOTÃO-DE-OURO * TODOS QUEREM,
DISSO NÓS TEMOS CERTEZA;
AMARELO...ALGUNS PREFEREM,
MAS SIMBOLIZA A AVAREZA.

54-SÍMBOLO DA PERMANÊNCIA
E PORTAL DA ETERNIDADE,
* SEMPRE-VIVA *, NA EXISTÊNCIA,
REPORTA À IMORTALIDADE.

55- * PINHEIRO * -SOBREMANEIRA,
CONSERVA O VERDE NO INVERNO,
TAL QUAL * BAMBU * E * AMEIXEIRA *,
SIMBOLIZA O AMOR ETERNO.

56-AS * FLORES DA LARANJEIRA *
TRADUZEM FELICIDADE,
MAS PARA A NOIVA FACEIRA
PROVOCAM FECUNDIDADE.

57-SE * AÇAFLOR * VOCÊ GANHAR,
SAIBA QUE É SINAL DE ALERTA.
TRAZ TEMPERO A AMARELAR:
FIM DE AMOR TEM PORTA ABERTA.

58- * TAGETES * AVERMELHADAS,
COM CRAVOS SÃO PARECIDAS,
SE, DIARIAMENTE, MOLHADAS,
POR TODO ANO ESTÃO FLORIDAS.

59- * PIETROS * SÃO MARGARIDAS,
EM VASOS...QUE COISA BELA!...
TEM PÉTALAS COLORIDAS
VERMELHA, BRANCA E AMARELA.

60- * ESCABIOSA * TRAZ SAUDADE
QUE ENFEITA CAIXÕES NA MORTE,
TAMBÉM AFASTA A MALDADE
TRAZENDO-NOS TODA A SORTE.

61-SIMBOLIZANDO A MENTIRA,
A * BUGLOSA * É FALSIDADE,
DESPERTA NO MUNDO A IRA,
POIS É CONTRÁRIA À VERDADE.

62- * CICLAME * É FLOR COLORIDA
QUE SÓ FLORESCE EM SETEMBRO,
É A * XIMENÉSIA *...DA VIDA
É A FLOR LINDA DE NOVEMBRO.

63- * DÍCTAMO * PODE BRINDAR
O NASCIMENTO DA VIDA,
SE O TIVER PODE MANDAR,
PARA PESSOA QUERIDA.

64-QUANDO EU MORRER, SOLIDÃO
DEIXE A * MALVA * NO JARDIM
PARA QUE EU TENHA A ILUSÃO
DE ALGUÉM A CHORAR POR MIM.

65-NA PRAÇA DA LIBERDADE,
AS * DAMAS-DA-NOITE * EXALAM...
ESCONDEM-SE NA HUMILDADE,
MAS SEUS PERFUMES NOS FALAM.

66- SIMBOLIZA AMOR SECRETO
SE A * ACÁCIA * FOR AMARELA,
MAS SE FOR ROSA, DISCRETO
MOSTRA ELEGÂNCIA.É BELA.

67- * CIPRESTE? * -FÚNEBRE AÇÃO
NA VIDA É LONGEVIDADE,
EVOCA A RESSURREIÇÃO
E A INCORRUPTIBILIDADE.

68-O * CARDO * TEM FLORAÇÃO
MAS É UMA PLANTA ESPINHOSA:
SIMBOLIZA A DESUNIÃO,
NA DISCUSSÃO, É FAMOSA.

69- * AMBRÓSIA *, MANJAR DOS DEUSES,
NÉCTAR DA IMORTALIDADE,
INGERIDO MUITAS VEZES,
PRODUZ A VITALIDADE.

70-A * BÉTULA * INSPIRA A VIDA.
TÊ-LA SEMPRE, AI QUEM ME DERA!
NA RÚSSIA É A MAIS ESCOLHIDA:
SIMBOLIZA A PRIMAVERA.

71- * AZALÉIA * DÁ ROMANCE,
SÓ QUANDO BRANCA É A FLOR.
ROSADA É A OUTRA NUANCE
DA NATUREZA E DO AMOR.

72-A MEDICINAL * CIDREIRA *
É SÍMBOLO DA BONDADE,
USADA SOBREMANEIRA,
POSTA EM INFUSÃO...A DOR... CURA.

73-QUANDO AJAX FALECEU
EM TRÓIA, EM TEMPOS DE GUERRA,
* ESPORINHA * APARECEU
PÔS SEU SANGUE SOBRE A TERRA.

74- * FLOR-DE-MAIO * REPRESENTA
A BELEZA VIRGINAL,
QUE QUALQUER MALDADE ENFRENTA
* FLOR-DE-SEDA * É SEMPRE A TAL.

75-NA TERRA DO “SOL NASCENTE”
* CRISÂNTEMO * É TRADIÇÃO.
DO JAPÃO À TODA GENTE,
SIMBOLIZA A PERFEIÇÃO.

76- * HELIOTRÓPIO * TÃO AMÁVEL,
NINFA QUE APOLO ADOROU.
* CLÍTIA *, SENDO INSACIÁVEL
ZEUS, EM FLOR A TRANSFORMOU.

77- * VIUVINHA * OU * QUEM-ME-QUER *
TEM SEUS FRUTOS COLORIDOS,
SAUDADES ROXAS:-QUEM QUER,
DIVIDIR DIAS SOFRIDOS?

78-QUATRO FOLHAS? * TREVO * TEM,
TODAS COM FELICIDADE,
AMOR E SORTE TAMBÉM
UM SONHO NA REALIDADE.

79-AS * ROSAS * CRISTALIZADAS
LINDOS BOLOS A ENFEITAR,
SECAS BEM ADOCICADAS,
AGRADAM AO PALADAR.

80- * AMOREIRA * VEM DO AMOR
DOS JOVENS APAIXONADOS.
SANGUE VERTERAM.QUE HORROR!
MORRENDO OS DOIS ABRAÇADOS.

81-ZÉFIRO SE APAIXONOU,
POR * ANÊMONA * E SEM DOR,
SUA ESPOSA O TRANSFORMOU:
EM BELA NINFA ! EM FLOR!

82-O * JACINTO * É FLOR DE AFETO
SIMBOLIZANDO A CONSTÂNCIA.
DO AMOR DE APOLO REPLETO
É A FLOR DA FÉ E DA ARROGÂNCIA.

83-VÊNUS, BRILHANTE E FORMOSA,
PELO * ADÔNIS *, SEM AÇÃO,
VIU NASCER, TODA CHOROSA,
A FLOR DA SEPARAÇÃO.

84-COM DELICIOSO PERFUME,
O * GERÂNIO * REPRESENTA
VITALIDADE SEM LUME.
TODA A ESTUPIDEZ LAMENTA.

85-MUITO BELO E DELICADO,
* HIBISCO * É FLOR TROPICAL,
EM CLIMA BEM TEMPERADO,
TENDO AMOR NÃO SE DÁ MAL.

86- * OLIVEIRA * É BRANCA FLOR,
DESDE O INVERNO À PRIMAVERA...
TRAZ COM O ANJO DA BONANÇA,
SEGREDOS DA NOVA ERA.

87-É SÍMBOLO DO ADVOGADO
* CRAVO * DA FELICIDADE
COM * VERÔNICA * AO SEU LADO
ESQUERDO...É FELICIDADE.

88-COM * JUCERI * FAZ COMPRESSA...
É BÁLSAMO QUE ALIVIA
CICATRIZAÇÃO APRESSA
TIRA A DOR DIA APÓS DIA.

89-É MUITO USADA NA GUERRA!
A * AQUILÉIA * TRAZ SAUDADE.
PLANTA NATIVA DA SERRA,
QUE SECA É ADVERSIDADE.

90-QUERO DA * AGÁVEA *, A CERTEZA,
DO TEU AMOR DUVIDOSO,
MESMO COM TODA A INCERTEZA
TENS MEU AMOR CARINHOSO.

91-TODA * FLOR DE SABUGUEIRO *
PARA A ERISIPELA É USADA:
QUALQUER ÍNDIO CURANDEIRO
MOSTRA A FERIDA CURADA.

92-É TÃO TRISTE A * QUARESMEIRA *
POIS, AO PÉ DA CRUZ NASCEU.
E PELA DOR VERDADEIRA
LÁ NO CALVÁRIO CRESCEU.

93-PARA A FACE REFRESCAR
PONHA ROSAS PERFUMADAS
NO LEITE PARA GELAR...
USE AS PÉTALAS MOLHADAS.

94-AO MILITAR CORAJOSO
CALÊNDULA SE OFERECE
* MONSENHOR ROXO * É PERIGOSO
E A NINGUÉM VOCÊ OFERECE.

95-PLANTA BEM POLICROMADA
QUALQUER COR NELA É AMENA
FICA SEMPRE ADMIRADA
QUEM RECEBE UMA * DRACENA *.

96-PERSISTÊNCIA NO DESEJO
DEUS DIONÍSIO A ELEGEU
E APROVEITANDO O ENSEJO
PÔS SUA * HERA * NO APOGEU.

97-SIMBOLIZANDO A ELOQUÊNCIA
A FLOR * LOTO * NO ORIENTE
É EQUÍVOCO NA VIVÊNCIA,
MAS NO EGITO É FLOR NASCENTE.

98- * BUXO * NO CICLO DA VIDA
TRADUZ A PERSEVERANÇA.
PEQUENA FLOR PREFERIDA
DE AFRODITE, COM ESPERANÇA.

99-LINDO * BRINCO DE PRINCESA *
ÉS FLOR DA GRAÇA E ELEGÂNCIA.
SIMBOLIZA A GENTILEZA:
ÉS * FÚCSIA * - SEM FRAGRÂNCIA.

100-HONRA, VERGONHA, RIQUEZA,
FLOR DILETA DE MORFEU
LÁ NA CHINA, COM CERTEZA,
É * PEÔNIA *, O NOME SEU.

101- * FLOR DE AMÊNDOA * É A ESPERANÇA
DESDE O INVERNO À PRIMAVERA.
TRAZ COM O ANJO DA BONANÇA
SEGREDOS DA NOVA ERA.

102-A * SÁLVIA * É UMA LINDA FLOR
DE UTILIDADES AFINS,
COMO CHÁ...É SABOROSA
É A MÉDICA DOS JARDINS.

102- B* PRIMAVERA * É TAMBÉM FLOR,
FAMÍLIA DA * BUGANVILIA *,
É DA JUVENTUDE O AMOR
NOS CACHOS MOSTRA A ALEGRIA.

103-SÍMBOLO DO PROFESSOR
É A * RESEDÁ * - PACIÊNCIA
PELA VOCAÇÃO DE AMOR,
FLORAÇÃO DE COMPETÊNCIA.

104-SE OS * JASMINS * LEMBRAM A ESPANHA,
E OS * GIRASSÓIS * VÊM DA HUNGRIA...
REVELAÇÃO DE ARTIMANHA:
TRAZ * VERBENAS * DE ALEGRIA.

105-AS * VIOLETAS * LEMBRAM PARMA
* JUNQUILHOS: * A COVARDIA,
TIMIDEZ, MESMO SEM ARMA,
TIRA O SOL DE CADA DIA.

106- * MALVA * É O SÍMBOLO DO MÉDICO
QUE, POR SEU PERFUME, ACALMA,
SE ESTIVER DOENTE, INDICO:
SÓ UMA FOLHA BASTA À ALMA.

107-LINDA * IPOMÉIA * VERMELHA
NA AMIZADE DÁ SEU LAÇO;
À CORRENTE SE ASSEMELHA,
POIS SIMBOLIZA O ABRAÇO.

108- * ROSA BRANCA * Ó FLOR DIVINA,
ÉS SÍMBOLO DA PUREZA,
DA VIRTUDE PEREGRINA
DO BEM DEUS - A REALEZA.

109- * ROSA AMARELA * SUSPEITA
TRAIÇÃO E INFIDELIDADE,
CIÚME QUE NÃO RESPEITA,
FALTANDO SINCERIDADE.

110-NA DECORAÇÃO CAMPESTRE
DESDE A IDADE MÉDIA, O * ACANTO *.
TEM ARTE, A FOLHA SILVESTRE,
CRESCIMENTO ,VIDA E ENCANTO.

111-É DE ORIGEM MEXICANA
A * ADÁLIA * É DIGNIDADE.
NA ELEGÂNCIA NÃO SE ENGANA
APESAR DA VARIEDADE.

112-NA HOLANDA, A * TULIPA * UM DIA,
GANHOU FAMA RETUMBANTE,
MAS, NATIVA DA TURQUIA
TEM A FORMA DE UM TURBANTE.

113-AMOR TÃO PURO, INOCENTE
SÓ MESMO O * CRAVO * TRADUZ
NA LAPELA...QUEM NÃO SENTE,
A FORÇA QUE ELE CONDUZ?

114-NO EGITO DAS TRADIÇÕES
* ALECRIM * TEM FLOR AZUL.
DA VIRGEM, RECORDAÇÕES
DAS FLORES, NO MANTO AZUL.

115-NOS CAMPOS, O * AMOR-PERFEITO *
DESPERTA MIL PENSAMENTOS,
NO AMOR QUE NÃO TEM DEFEITO,
DONO DOS MEUS SENTIMENTOS.

116-O * LÍRIO * É DEPOIS DA ROSA
PREFERIDO PELO ARTISTA.
É FLOR DE VIDA AMOROSA,
EM CASAMENTO ALTRUÍSTA.

117-NA FRIEZA DE UMA * HORTÊNCIA
VEJO A PESSOA GOLPISTA
QUE É EDUCADA NA APARÊNCIA
MAS FINGIDA ... É EGOÍSTA.

118-ATRIBUTO DE MARIA
DA GRAÇA E AMABILIDADE.
O * JASMIM * TRAZ ALEGRIA
TEM GRAÇA E SIMPLICIDADE

119-UM SUFLÊ BEM DIFERENTE
CONTÉM NA * VIOLETA *, A ESSÊNCIA.
COMA DELICADAMENTE,
DOCE, ASSADO COM PACIÊNCIA. *

120- * ÁLAMO *, RAMAGEM E FLOR
É VERDE O LADO DA LUA,
MAS NEGRO É GRANDE VALOR,
ESCURA É SAUDADE TUA..

121-* MURTA * É AMOR, NASCIMENTO
DE FLORES BRANCAS SOMENTE,
É A DEUSA DO ENCANTAMENTO
QUE OS GREGOS TÊM A SEMENTE.

122-PUREZA DE CORAÇÃO,
* NENUFAR * É ENCANTADORA,
RESISTIU A TENTAÇÃO
É UMA FLOR BEM SEDUTORA.

123-A * ALCACHOFRA * É FAMOSA
PELA FLOR EXTRAORDINÁRIA.
BEM COZIDA É APETITOSA
RAINHA, NA CULINÁRIA.

124- * ALAMANDAS * SÃO USADAS
NOS MUROS À TREPADEIRA.
TEM FLORES AMARELADAS
É UMA FLOR BEM BRASILEIRA.

125-DA COLÔMBIA, ESTA FLOR CRESCE
NOS VASOS, EM CLIMA QUENTE.
* ANTÚRIO *, EM SOMBRA, FLORESCE:
VERMELHA DE AMOR ARDENTE.

126- * BEGÔNIA * É DE FOLHA OVAL,
FLORES VERMELHAS OU ROSAS,
HERBÁCEA E O SOLO IDEAL,
ARENOSO, MAS ÀS SOMBRAS.

127- * BEIJO * GOSTA DO VERÃO.
DOS MARES DO SUL, CHEGOU.
DOS VENTOS QUER PROTEÇÃO,
PEQUENO PORTE ENCANTOU.

128-EM VASOS É CULTIVADA
ÁGUA, UMA VEZ POR SEMANA.
À SOMBRA E BEM CUIDADA,
* BROMÉLIA *, SUL-AMERICANA.

129-FLOR QUE A FORTUNA ATRAI
* CALANCHOE * DE HASTES FLORAIS,
QUEM A TEM, JURA NÃO CAI
NAS DÍVIDAS PARA MAIS...

130-É VERMELHA, A * CELOSIA *,
CHAMADA CRISTA PLUMOSA.
VEIO DA ÍNDIA E DA ÁSIA,
GOSTA DA TERRA ARENOSA.

131-FOLHA OVAL A * CINERÁRIA *
COM MUITOS CACHOS DE FLORES,
BELEZA EXTRAORDINÁRIA,
NOS JARDINS SÃO MULTICORES.

132-ATRAINDO OS BEIJA-FLORES,
CHAMADAS * BANANEIRINHAS, *
* HELICÔNIAS *, DOS AMANTES,
VIVEM SEMPRE AGARRADINHAS.

133- * GAZÂNIA * É CULTIVADA
NO CONTINENTE AFRICANO.
CRESCE SEMPRE ISOLADA.
MAS FLORESCE DURANTE O ANO.

134-PORTE PERENE DA * GÉRBERA *
EXIGE POUCOS CUIDADOS;
GOSTA DE ESTAR EM TOUCEIRA,
REPRESENTA OS BEM-AMADOS.

135-A * GLOXÍNIA * AVERMELHADA
NINHO DA PRAGA PULGÃO,
PRECISA SER BEM CUIDADA
NA PRIMAVERA E VERÃO.

136-É PLANTA TIPO PALMEIRA
* IXORA *, AMIGA DE ABELHAS,
PEQUENINAS, DOS CHINESES,
SÃO LARANJA OU VERMELHAS.

137-REPRODUÇÃO ESPONTÂNEA,
* SEM-VERGONHA * A TAL FLORZINHA
FAMÍLIA BALSAMINÁCEA,
NASCE À TOA, A * MARIAZINHA *.

138- * LANTANA*(Rosinha) OFERTA CARINHOS,
FLORESCE PERSEVERANÇA,
DÁ FRUTOS AOS PASSARINHOS
E SIMBOLIZA ESPERANÇA.

139-FLORESCEM O ANO INTEIRO
E SÃO NATIVAS DA ÍNDIA
* LANTANAS * (Brancas) TÊM POUCO CHEIRO
PRINCIPALMENTE, NO DIA.

140- * ESTRELÍCIA *, EM TODO LADO,
É HERBÁCEA, EXÓTICA! QUEIRA
MOSTRAR GOSTO REFINADO
BUSCANDO-A EM ZONA COSTEIRA.

141- * VIOLETA * VIAJA O MUNDO
TEM FOLHAGEM AVELUDADA,
REVELA O AMOR PROFUNDO
DA MULHER NOIVA OU CASADA.

142- * AZALÉA * FLOR DO ORIENTE
FAZ DECLARAÇÃO DE AMOR.
QUANTO AO CLIMA É PERSISTENTE,
BEM RESISTENTE AO CALOR.

143-GRETA GARBO, SEM VAIDADES,
FOI * CAMÉLIA * UNIVERSAL
MAS A PLANTA ORNAMENTAL
TEM DEZ MIL VARIEDADES.

144-TAL QUAL O PERFUME QUE ESVAI
DE UMA * GARDÊNIA * A SECAR,
NO ADEUS, VEJO O PAI QUE VAI
NA CASA DO ALÉM MORAR.

145- * VERBENA * DO AMOR ETERNO,
CURA A TRISTEZA FERIDA,
É BÁLSAMO SEMPITERNO
TEM O PERFUME DA VIDA.

In English:Inglês)

146- * AMARYLLIS * REPRESENT
PRICE , BEAUTY,CHARM, GRACE,
GREEK ORIGIN, RED BRILHANT,
HAUGHTINESS AND ELEGANCE.

147-VALENTINE * ANTHURIUM * REAL,
RED FLOWER TROPICAL,
AUTHORITY ESSENTIAL,
WITH DURATION SPECIAL.

148- BIRD IN * PARADISE * SLEEK
WITH ORANGE MAJESTIC
AND BLUE, DURABLE A WEEK,
TROPICAL FLOWER, BUT´S QUICK.

149- * GERBERA * DAISIES ARE JOYFUL.
THEIR PETALS ARE MIXED COLOR.
THE MAN FEELINGS BEAUTIFULL.
IT´S AN INSTANT SPIRIT-LIFTER.

150-THE BLUE * HYDRANGEA * COMBINE
WITH A WHITE CACHEPOT,
IS FASCINATION TO MINE
LIFE IN TIME COLD OR HOT.

151-LOOK WITH PROFUNDITY,
CALM… PATIENT, ATTENTION
IN THAT * IRIS * FLOWER BEAUTY
INSCRIBE THE INSPIRATION.

152- * LILY *, A FLOWER´S PURITY,
INNOCENCE AND SWEETNESS,
MILDNESS, SIMPLICITY,
SOFTNESS AND SINGLENESS.

153-THE * ORCHIDS * HAS ELEGANCE,
ARE PRESENTS WITH EMOTIONS,
DESIRE, EXTRAVAGANCE,
BEAUTY, LOVELY AND PASSIONS.

154 -I HAVE FIRE IN MY HEART
RED * ROSES *, INTERIOR SKY,
THE HOT TEARS OF THE START:
-I LOVE TO LIVE… I DON´T CRY.

155- * SUNFLOWER * IS BIG FLOWER.
IT´S KNOWS WHEN IS GOLDEN CLIME
AND WHAT IS IMPORTANT THE POWER.
WHY IT´S ONLY A HOT TIME?

156-THE OPULENT SWEET FLOWER
WITH FRAGANCE OF * FREESIA *
IT IS LIBERTY AND POWER
PERFECT SPRING IN THE YEAR.

157-THESE * TULIPS * ON THE BED,
OVER THERE DECORATION,
YELLOW,WHITE AND RED:
POWER,RECONCILIATION.

158-I WILL NOT FORGET THE NIGHT:
-ONLY YOU DEAR …MY GARDEN,
YELLOW * ROSES, * VERY LIGHT
I SAW YOUR HEART GOLDEN.

159- * VIOLETS * ARE CULTIVED
TO MEDICICE TO HELP,
IN COOKING ARE VERY USED
LEAVES AND FLOWERS, TOO.

160-I HAVE HEALTH AND PEACE,
THE LIGHT COME WITH THE DAY,
HOPE, FLOWERS AND THE LEAVE
WHITE * ROSES * IN MY WAY.

-

TERCEIRA PARTE:CONCLUSÃO

161- E AGORA VOU TERMINAR
MUITO MAIS EU FALARIA
DE FLORES E A PERFUMAR,
MUITO TEMPO EU GASTARIA.

162- AS ÁRVORES MULTICORES
DO FUTURO SÃO PROMESSAS,
TRAZEM NO ENCANTO DAS FLORES,
ESPERANÇAS NAS REMESSAS.

163-NO FLORIR DE UMA EXISTÊNCIA,
POR QUE TER MEDO DE AMAR?
ENTRE ESPINHOS DA VIVÊNCIA,
DE ROSAS PODES CUIDAR.

164-PONHA FLORES ÀS JANELAS
DO UNIVERSO SEM FRONTEIRA
QUE ELE PERFUMA EM PARCELAS
SEUS JARDINS DA VIDA INTEIRA.

165-PLANTANDO, LOGO SE VÊ:
-DAS SEMENTES BROTAM FLORES...
NINGUÉM DUVIDA OU DESCRÊ:
GESTOS DESPERTAM AMORES.

166-AO FULGOR DE UMA ILUSÃO,
LINDA FLOR DESABROCHOU,
MAS NO OUTUBRO, A DECEPÇÃO
FOLHAS, O VENTO SOPROU.

167-OS FILHOS QUE NOS ENCANTAM
PLANTAM NO AMOR INFINITO,
FLORES VIVAS, QUE PERFUMAM
NA VIDA, UM JARDIM BENDITO.

168-HÁ QUEM TEM BEM ESCONDIDA
NINGUÉM VÊ, NÃO SEI POR QUÊ:
NO CORAÇÃO BEM FLORIDO,
A MAIOR FLOR É VOCÊ.

169- AS FLORES DADAS EM VIDA
SEMEIAM PURA ALEGRIA,
DÊ À PESSOA QUERIDA
O PERFUME DA HARMONIA.

170-A NATUREZA AGRADECE
A QUEM PLANTA COM CARINHO...
FLORES E FRUTOS MERECE
QUEM PÕE A PAZ, NO CAMINHO.

171-QUANTAS FLORES POSSO TER...
PERFUMES POSSO COMPRAR...
SÓ UMA FLOR QUERIA SER
A QUE PODE TE ABRAÇAR...
-
AUTOBIOGRAFIA:
172-SOU A SÍLVIA TROVADORA,
BEM FELIZ APOSENTADA,
VIOLONISTA E ESCRITORA
PELA VIDA APAIXONADA.

173-DE ARAÚJO HERDEI O PORTE
JUNTO À ALEGRIA DO ANDRADE.
COM O MOTTA FIQUEI MAIS FORTE
NO PERDÃO E NA AMIZADE.
-
AGRADECIMENTO À CAPPAZ:

É TEMPO DE AGRADECER
POR ESTA OPORTUNIDADE
A FLOR FAZ TRANSPARECER
A PUREZA DA AMIZADE.
-

DEDICATÓRIA:

À JOYCE, QUE É FUNDADORA
DA CAPPAZ, VENHO ABRAÇAR,
E À TURMA INCENTIVADORA
MEUS VERSOS QUERO OFERTAR.

-46-
Porque não falar de flores?
EstherRogessi

Personagens de peculiar beleza do pintor-mor da natureza; autor de nuances infindas... Tem às mãos, uma aquarela mágica maravilhando-me às vistas.
Cada uma delas – às flores – embevece-me, enternece-me. Desde às flores do campo, até as mais raras. Contemplo-as, preferindo-as sempre... Onde Ele as plantou, para que assim, eu possa por mais tempo deleitar-me em vê-las.
Dentre elas – para mim... Uma é rainha!
A “rosa” tão perfeita... que, Ele achou por bem dotá-la de autodefesa – espinhos, arma da natureza.

Recife,01/11/12 às 09h25mn.

-47-
Alegrias da Vida...
Rosana Carneiro

Abre as pétalas para curar as dores...
Exala perfume
Atinge a alma
Corrige a memória
Traz lembranças
Alegra os sonhos
Anuncia a despedida
Presenteia a vida
Responde a uma amizade.
Flores são presentes
São anúncios de Deus
Nas mãos de quem as oferece
São as palavras que não se conseguem dizer...
Pois em cada cor, cada formato, cada aroma
Traz a beleza que a alma queria tanto dedicar
Flores... Primavera constante na vida...

-48-
Tainah
Rosana Carneiro

Arte digital por Rosângela Coelho

-49-
Ingratidão e Flores
José Antônio Gama de Souza-Balzac

Quando a ingratidão nos aborrece
Desanima-nos, corrói e entristece
Podemos buscar na natureza
O entendimento da vida, a nobreza

Em qualquer lugar desabrocham
As flores, e plenas se mostram
Não sabem se serão ignoradas
Ou se mesmo serão admiradas

Nascem até no lodo ou no estrume
As flores, e exalam o perfume
Não se importando se irão amá-las
Ou se um dia quererão cheirá-las

Cumprem então, seu papel
Tranquilas, felizes, ao léu
Por se darem assim, sem favor
Ao mundo, por puro amor!

Leopoldina, MG, 22 de novembro de 2002.



-50-
Flores, dores e amores
José Antônio Gama de Souza-Balzac

Há a flor que morre para gerar fruto
E a flor que morre para gerar semente
Mas para cumprir o ciclo natural da vida
Há também a flor que morre simplesmente!

Há a dor que morre para gerar felicidade
E a dor que morre para gerar sabedoria
Mas para cumprir o ciclo natural da vida
Há também a dor que morre de agonia!

Há o amor que morre para gerar saudade
E o amor que morre para gerar solidão
Mas para cumprir o ciclo natural da vida
Há também o amor que morre de paixão!

Há as flores, as dores e os amores
Que morrem e revivem em outra forma
Pois para cumprir o ciclo natural da vida
Tudo no universo renasce e se transforma!

Leopoldina, MG.



-51-
Beija-flor
José Antônio Gama de Souza-Balzac

Beija, beija
Beija-flor
Qualquer flor
Do meu jardim
Só não beijes
Meu amor
Que esta flor
Pertence a mim

Beija, beija
Beija-flor
Toda flor
Que queiras, sim
Beija livre
Beija leve
Seja rosa
Ou jasmim

Beija-flor
Este teu beijo
Nada de
Inocente tem
É de língua
É de paixão
Eu quero
Beijar também

Beija-flor
Quando te vejo
No beijo
Sugando mel
Dá vontade
De beijar
E voar assim,
No céu!

Leopoldina, MG, 15 de setembro de 1978.



-52-
As Treis Frô do Manacá
José Antônio Gama de Souza-Balzac

Uma veiz uma morena
Qui morava numa terra, lá
Prantou um pé di fulô
Qu'era um pé di manacá

Agô, cuidô i isperô,
Pra quela pranta frorá
Pra matá anssim a vontadi
Di vortá pru seu lugá...

Custô, mas infim sucedeu
Brotô treis piquena frô
I dus óio intão da morena
Treis lágrima tamém rolô...

Uma lágrima i uma frô
Pra cada quar um sintido
Quim seu coração ficava
Quetim, anssim isprimido

Pras primêra o amô
Quela tem dentro du peito
Qui é grandi cumo quê
I ela dá di carqué jeito

Pras segunda a sordadi
Da terra i dus amigo
Quela qué di todo modo
Um dia inda tê consigo

Pras tercêra a isperança
I um sorriso intão brotô
Nu rosto daquela morena
Bunito qui nem as fulô

As três lágrima caiu
As três frô dispois murchô
I istercô aquela pranta
Qui incheu di tanta frô

I cumo as fulô, us sintido
Tamém anssim armentô
U amô i a sordadi
Mais a isperança, sinhô!

Leopoldina, 29 de outubro de 2002.



-53-
Alvorecer Leopoldinense
José Antônio Gama de Souza-Balzac

Caminho pela madrugada outonal...

Viro a esquina e me deparo
Com o dia clareando, fenomenal
Por trás dos morros do Desengano

De repente, ando sobre algo macio...

Olho e me vejo pisando sobre um tapete
Formado pelas pétalas amarelas
Das flores de um Ipê (Grupo Novo)

Inebrio-me e me emociono

É um privilégio...

Levanto os olhos e vejo a rua (da Grama)
Não há carros, não há gente, está nua
Como um rio de paralelepípedos
Com suas margens
Pelos oitis geometricamente podados
Marcadas pelos dois lados

Vista aqui do alto, é uma bela paisagem...

Aí, surgem magníficos
Os primeiros raios de sol
Doirando as cores do inverno

E a cidade, tranquila, desperta.

É...
Assim, mesmo sem querer
Qualquer um pode ser poeta!

Leopoldina, MG.



-54-
A flor de Maracujá
José Antônio Gama de Souza-Balzac

Tenho uma coisa no peito
Que nasceu assim
Sem que eu quisesse plantar

Um sentimento escorreito
Independente de mim
Como nada que há

Espalhou suas ramas com jeito
Tomou-me enfim
Sem que eu pudesse notar

Então explodiu... com efeito!
É um amor sem fim
Que eu te quero ofertar

Belo, exuberante, perfeito
Que nem querubim
E a flor de maracujá!

Leopoldina, MG, 16 de setembro de 1997.

-55-
Flores
Weber José Vargas Müller

Flores traduzem sabores e odores
Expurgam rumores, descortinam pudores
Fascinam atores, cantores, pintores em várias cores
Alimentam a alma contagiando-nos com bastantes sabores!

Às vezes são vermelhas , amarelas ou rosas
As flores são sempre formosas, cheirosas
Não importa a cor, apenas são maravilhosas
Saudosas, audaciosas, cantadas em versos e prosas!

Ah...disseram que as flores não falam
Não cantam, não choram, apenas exalam
O cheiro da brisa, do mar e do amor que nos embalam
Nos canteiros de flores onde as aves se acasalam

Sonhos, desejos, ânsias e amores
Invadem o coração e se transformam em jardins de flores
Ipês, bromélias, rosas, cravos e camélias- verdadeiros primores
Tons de primavera que inspiram as mãos generosas dos pintores

Flores, presentes em todas as ocasiões
Nas alegrias, nas dores, nas despedidas e uniões
Oxalá as flores façam morada em nossos corações
Enchendo-nos de cor, perfume, magia e seduções.

Weber José Vargas Müller
Membro da CAPPAZ- Confraria de Artistas e Poetas pela PAZ!
Primavera de 2012- Estação das flores e dos amores!

-56-
As flores e o Beija-flor.
Bárbara Pérez

À noite as flores exalam um perfume diferente
Tem o frescor das cascatas em desalinho
A pureza das constelações saltitantes
Crianças em revoadas, as flores á noite dialogam entre si.

O beija-flor da noite é diferente
Não adeja sobre as rosas vermelhas
Revoa sobre as luzes reluzentes
Deixando os rosais da madrugada.

Pequenino esperto e bem verde
As cores cintilantes em noites quentes
Ostenta sobre as penas coloridas
As tonalidades das flores que vem da primavera.

Imponente ativo revoa orgulhoso
O beija-flor das noites das virgens matas
Doirando os campos e voos dançantes
Tal qual luas vestidas das brancas pratas

Leve e sensual mergulha nas sombras
Deixando rastros pela noite afora
Após beijar e catar das flores o néctar puro
Vai feliz saltitante ao encontro das manhas sonoras.

De flor em flor foi catando o néctar
Bailando sobre as flores primaveris
Num doce alado vai aos céus tingindo
Das cores das flores de maio.

Ó beijar flor à noite e as flores são somente suas!
As flores vão se abrindo na manha de setembro
Venha pousar leve nessa solitária janela
Beijar as flores e moça solitária.

As flores e o beija flor tem cores diferentes
Na noite fresca de todas as estações
Misturam beleza e perfume ao encanto da moça
A natureza e as flores travam um duelo na noite primaveril.

-57-
A Rosa Solitária
Rosana Carneiro

''Estava num jardim quando acordei.
Era manhã linda de outubro.
Meus espinhos eram poucos, mas a força da minha raiz superou todas as tempestades.
Ervas daninhas ainda tentam impedir meu crescimento, mas aguardo um jardineiro que cuidará de mim, pois sou frágil, delicada, perfumada e de uma beleza que só alguns conseguem enxergar.
Aguardo com minhas pétalas abertas este mágico momento onde o afago acontecerá pelas mãos do cuidador, que com delicadeza saberá cuidar de uma flor como se cuida de um amor.''

E assim, a rosa solitária, no jardim da vida, terá força pra exalar o mais doce perfume, que chamará todas as belezas da natureza.
Acontecerá a recompensa de um lindo arco íris, revoada de pássaros, cantos e encantos da aurora, que farão do jardim da vida, um grandioso mundo encantado de amor e paz.

Este é o mundo que a Rosa Solitária sonhou...

-58-
Flores Perfumadas
Edécio Mergener

Não consigo imaginar a terra sem flores
Odores de perfumes diferenciados...
Espalhados pela imensidão em desenhos diferentes
Mãe da semente e dos frutos em variedades
Nos campos e nas cidades elas trazem a harmonia.
Flores... Eu queria ser um beija-flor
Para beijar com amor a cada uma com carinho.

Flores são mimos, delicadas, amadas...
Bordadas, tricotadas e pintadas pela mão de Deus...
Para os seus ele deixou com muito carinho
Em cada galinho ele colocou uma pra não faltar
E por nos amar ele caprichou na combinação,
Nas horas da emoção usamos flores
Flores que representam o amor
Até nas horas de dor e também gratidão
Até no perdão elas nos ajudam.

Flores perfumadas...
Algumas mais outras nem tanto
Mas tem o encanto da natureza
De beleza incomparável.

-59-
Falando de Flores...
Joyce Lima Krischke

Sim! Hoje, é uma primavera-verão!
Feliz, minha lira canta florada!
Aroma de flores na calçada...
Falo de flores, na minha canção.

Flores coloridas minha alegria!
Phoenix renasce: é Primavera!
Primavera florida não é quimera.
Ah, são as flores que perfumam meu dia...

Flores, nos caminhos para sonhar!
Tempo passou ... flores a ressurgir...
Plantando jardins, vejo-os florir.

E, tu- Poeta: flores irás plantar?
Sigamos semeando e cuidando,
Cantando as flores... sempre pazeando!

Balneário Camboriú, 31/10/2012- 23h10min.

-60-
As Rosas Falam!
J.R.Cônsoli

As rosas falam pelos seus perfumes,
Mandam mensagens aos que tem sentidos,
Alegram as flores nos jardins floridos
Declamam versos para os vaga-lumes...

Quem nunca ouviu, talvez nunca o fará,
Porquanto contam os seus... (quase segredos),
Aos corações mais simples e sem medos...
Quem muito ama sempre as ouvirá.

Seus espinhos só dizem da incerteza
Que a vida aponta-nos a cada dia...
E seus perfumes... Versos de alegria!

As rosas falam... Só não são ouvidas:
Unidas na alegria e na tristeza,
Presentes nas chegadas e partidas.

-61-
Flores na Sacada
Joyce Lima Krischke

-62-
Primeiro encontro
Paulo Rodrigues

Flores nos cabelos castanhos.
Flores no meigo olhar.
Flores no belo sorriso.
Flores no gracioso caminhar.

Flores na lapela.
Flores no carinhoso olhar.
Flores no tímido sorriso.
Flores no apressado caminhar.

Flores que se encontram no olhar,
no sorrir e no falar
ainda tímido.

Flores nas doces palavras de amor,
exalando doce sabor
no fim da tarde morena.

Sorocaba/SP

-63-
Como falar de flores?
Celeste Farias

Como falar de flores,
Se não sentir o teu olor,
Minha Alfazema.

Como falar de flores,
Se não recordar da tua beleza,
Lindo Girassol.

Como falar de flores,
Se não te poetizar,
Orquídea rara.

Como falar de flores,
Se não lembrar de ti,
Lindo Ypê Amarelo.

Como falar de flores,
Se não te sentir,
Bela Rosa Vermelha.

Com falar de flores,
Se não te ver chegar,
Primavera de Amores.

02/11/12

-61-
A Minha Primavera
Pinho Sannasc

A minha primavera
Tem a pele morena…

Tem o cheiro das flores,
Um rosto de anjo...
Um sorriso tão terno,
E um brilho no olhar...

Ela vem com a brisa,
E beija-me os olhos…
Como somente ela,
Eu nem sei explicar…

Ela dança em meus sonhos
Imanente e tão linda...
Ela sempre bem vinda
E ela sempre será…

O seu beijo é doce
Mais que néctar e mel!
Mas se ele não fosse
Seria assim seu olhar...

Em se tratando de flores,
Ela é a mais quista...

Não é como as rosas
Nem os lírios e as orquídeas...
Ela é como prímulas
Por ser tão singular!

Aproxima-se de mim
Quando eu mais preciso
E basta um só sorriso
Para me alegrar...

Ela mora em meu peito
E repousa em minh’alma...
Sua presença me acalma
Chego até a sonhar…

A minha primavera é etérea
Posso francamente encomiar…

Ela é tão sagrada
O meu amor tão profano...
Mas sabe Deus que eu a amo,
Como eu nem posso amar!

 




SELO DE PARTICIPAÇÃO
















|| Página Inicial | Voltar | Livro de Visitas ||


Arte e Formatação Rosângela Coelho
Foto do Top por Joyce Lima Krischke
Exclusivo para CAPPAZ - Confraria Artistas e Poetas pela Paz
Todos os direitos reservados