José Maria de Jesus Raimundo Silva

Advogado e poeta mineiro, nascido em Campos Gerais (MG), é residente em Varginha. Autor de 1.565 poemas, contos, crônicas, romance. Possui dois livros ainda inéditos: o ensaio “Pena de morte: a vítima pode ser você” e o romance “O Crime da Cachoeira”. Publicou diversos artigos, poemas, contos e crônicas em jornais varginhenses. É membro efetivo da Academia Varginhense de Letras, Artes e Ciências, sendo, atualmente, seu Primeiro-Secretário.

Confrade Efetivo.






PAZ
José Maria de Jesus Raimundo Silva

A Ausência do amor e ambições
Causam desentendimentos,
Guerras, lágrimas, separações
E Desmatamentos.
Os rios têm sede, a fauna e flora desaparecem.
Fumaças, fuligem cobrem as matas e cidades,
Ainda há tempo de plantar o amor,
Viver os ensinamentos do criador.
E juntos seremos uma fagulha
A iluminar os caminhos da Humanidade.
E promoveremos a paz.












Esta página é melhor visualizada pelo Internet Explorer
com resolução 1600x768.